sábado, 7 de junho de 2008

Aqui no meu canto, no meu pequeno canto....onde todas as noites me refugio...nos meus pensamentos...nas minhas lembranças...nas saudades de quem eu gosto... e,



No meio de tanta agitação, de tanta loucura, de tantas entraves, de algum ânimo vou cantando alegremente a Felicidade, … contudo vai correndo no silêncio do meu ser…uma tristeza calada!

A nostalgia perdura dentro mim bem lá no fundo…e, que não me deixa…e, que a todo o custo tento livrar-me dela…e, porquê???

Porque teimas em aqui morar…se Eu tento ser indiferente às tuas provocações…..ainda aí estás???

Aproveitas te da minha vulnerabilidade…procuras dentro de mim uma resposta...

Onde errei????

Vem me à memória as doces recordações do passado.

Momentos nunca mais vividos…. Palavras nunca mais ouvidas…momentos nunca mais partilhados…

Fazes-me falta!!!

Algo forte te levou de mim…para longe, para sempre!
Quem me dá a mão??? Senão EU!!!

Enganas te….olha à volta…procura na tua solidão…

HOJE mais uma vez fazes-me falta…todos os dias…

Com quem partilho minhas alegrias…minhas angústias… minhas tristezas, minhas ideias, minhas dúvidas...

Existem respostas... existem soluções... existem possibilidades de... existem oportunidades...existem MILAGRES???

7 comentários:

Bonecas da Filó disse...

Olá Carla!!Que bonita escrita,escreve muito bem.Sim com uma tristesa, mas nós crescemos muito é com os problemas e como dizia Gandhi.ainda bem que passamos por dificuldados se não fossem elas não seria a pessoa que sou hoje. Já Amália era uma poeta e ela própria dizia que era uma pessoa triste, e foi a pessoa que foi,a grande voz do fado..Beijinhos e continua a escrever

Ana Lopes disse...

Olá!
Obrigada pela tua visita^__^
Gostei de ver o teu cantinho, é o nosso espaço onde voamos e pensamos nas nossas coisas......coisas da vida:P
Beijokas da Ana

LAROKITAS disse...

Mas que nostalgia é essa? O que se passa?
Vamos arrebitar e pensar que a vida é bela e única - por vezes injusta, mas mesmo assim bela.
E nesta passagem o bom é estarmos perto de quem amamos para ajudá-los e amá-los.
Beijocas e vamos dar um pontapé na preguiça e mandá-la para bem longe.
Bejocas

si

S o f i a disse...

Carlinha, kuando os sentimentos tristonhos t assaltarem bate na parede keu respondo! Vais ver k n tas sozinha miga! :) Bjitos gandis

Inês disse...

Ola Carlinha :)

Quando precisares de gritar por alguem, podes sempre gritar por mim ;) lembra-te, ta bem?

Andas desaparecida do meu blog. =( Já nao gostas de me visitar... lol

Beijinhos

Lidia Lavores disse...

Olá minha querida amiga...
Muito obrigado pela visita e pelo comentário sempre caloroso...Tirei agora um bocadinho para visitar as minhas amiguinhas...Não recebi nenhum mail, mas não te preocupes porque quando tiver um bocadinho de tempo, vou à procura da loja...
adorei este poema,estavas inspirada ou triste?espero que tenha sido só inspiração...
Beijocas ,tudo de bom até breve...

ju disse...

olá madrinha levanta a cabeça e olha para aqueles q tens á tua frente(maridão e filhote)e pensa q eles são a razão de tudo de bom da tua vida e o resto vai-se levando c o dia a dia e com mt compreensão, paciência e tudo o resto....
desejo-te tudo de bom e levanta a cabecinha "tonta" para veres aqueles q realmente merecem o teu amor, amizade e dedicação e vai em frente.Eu tou longe mas tou cá se precisares já sabes manda mail.mil beijocas cheias de compreensão!!!